Política

Coronel Célio Roberto e prefeito Dr. Zé Francisco alinham ações importantes para Codó

O comandante do CBMMA, coronel Célio Roberto, esteve reunido, na última semana, com o prefeito de Codó, Dr. Zé Francisco (PSD), em São Luís (MA). A visita de cortesia do prefeito foi muito importante para alinhar projetos e ações de melhorias e ampliação dos serviços dos Bombeiros para Codó, uma das maiores cidades do Maranhão, com população superior a 120 mil habitantes.

“Hoje, os Bombeiros desempenham um papel essencial em Codó e em toda a região, na segurança pública. Esse trabalho vai ser ampliado não só nas atividades do dia a dia, mas também em iniciativas sociais e educacionais, com a parceria que estamos alinhando com o prefeito Dr. Francisco. A população codoense é a que será a maior beneficiada”, destacou Cel Célio Roberto.

Entre os assuntos tratados pelos dois gestores, está a taxa de prevenção de incêndio do CBMMA e a documentação para os pequenos comércios. Para o prefeito de Codó, a reunião foi bastante proveitosa. “Fui muito bem recebido pelo comandante Coronel Célio Roberto e vamos avançar nas ações conjuntas entre os Bombeiros e o Município com essa parceria em prol dos nossos codoenses. Volto para a cidade com a boa notícia da isenção das taxas aos pequenos comerciantes”, disse Dr. Zé Francisco.

“Estamos isentando os pequenos empreendedores do pagamento das taxas dos Bombeiros. Essa é a orientação do governador Flávio Dino para que eles possam ter tranquilidade nos seus negócios neste momento de pandemia, e para que a economia continue a funcionar no estado”, anunciou Cel Roberto.

O município de Codó ganhou, em 2018, a 15ª Companhia Independente de Bombeiros Militar, que atende, também, as cidades da região dos Cocais com atividades e serviços de emergência, resgate e prevenção de incêndio, acidentes, queimadas e defesa civil, atuando, ainda, na área social e educacional com projetos para crianças e jovens.

Se inscreva no Canal do YouTube

Participe da nossa Comunidade no Telegram

Participe do grupo fechado no WhatsApp