Cidade

Feirinha São Luís contínua após pausa da pandemia

Neste segundo domingo de retomada da Feirinha São Luís, 1º de agosto, mais uma vez a população da capital e turistas voltaram a ocupar o Centro Histórico para conferir os artesanato, a gastronomia típica, produtos agroecológicos e se divertir com a família e amigos nos espaços do evento e ao som das atrações culturais. O prefeito Eduardo Braide e família também estiveram na Feirinha e o gestor aproveitou para verificar a ampliação do espaço, que agora está mais confortável e seguro para todos. 

“Estamos retomando a Feirinha São Luís, evento da Prefeitura que se tornou tradição na cidade e que estava parado por causa da pandemia. Este é o segundo fim de semana de retorno com novidades como a ampliação do número de entradas e dos espaços para comercialização de produtos e circulação de pessoas. Vamos seguindo assim, sentindo o clima de cada domingo e fazendo as adequações necessárias para garantir um espaço cada vez mais seguro e confortável para nossa população e os turistas que visitam nossa cidade”, disse o prefeito Eduardo Braide. 

O prefeito Eduardo Braide foi à Feirinha São Luís esteve acompanhado da primeira-dama, Graziela Braide, e seus filhos Maria Antônia, Manuela e Luís Eduardo. Ele visitou todos os setores do evento e conversou com os comerciantes.

A Feirinha São Luís voltou a animar os ludovicenses e turistas na capital no domingo, 25 de julho, após quatro meses paralisada por causa das restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus.

O evento segue todos os protocolos sanitários, como o uso obrigatório de máscaras e a disponibilização de álcool em gel em todos os espaços. A retomada do evento, que acontece todos os domingos, das 9h às 16h, se deu em novo formato e neste segundo fim de semana contou com novas adequações. 

Política

Nota de retratação em relação ao defensor público Murilo Guazzelli e sua família

Eu, Pedro Igor de Almeida, jornalista responsável pelo blog “A Carta Política”, no que concerne à matéria com a chamada “Investigado na CPI da pedofilia pode cuidar da defensoria pública do Maranhão”, publicada em 17.04.2020, venho apresentar RETRATAÇÃO PÚBLICA E PEDIDOS PÚBLICOS DE DESCULPAS de todas as afirmações levianas que desferi contra o Defensor Público Murilo Carvalho Pereira Guazzelli, ao replicar insinuações que seria ele, a partir de acusações feitas pelo deputado estadual Yglésio Moyses (PDT), denunciado na CPI da Pedofilia.

Após ser acionado judicialmente e em audiência de conciliação ocorrida no dia 02 de agosto de 2021, restou claro que eu, enquanto assessor parlamentar do deputado Yglésio Moyses, à época, em conflito de interesse com minha prática jornalística, ERREI GRAVEMENTE em minhas publicações, FATO QUE MACULOU A HONRA OBJETIVA E SUBJETIVA DO SR. MURILO GUAZZELLI, REPERCUTINDO TAMBÉM EM SUA FAMÍLIA, EM ESPECIAL EM SUA ESPOSA E EM SEU FILHO.

Dessa forma, e como titular do apontado blog e dos perfis do Instagram e Twitter, reconheço que agi de forma equivocada, injusta e em dissonância das boas práticas jornalísticas em relação ao referido Defensor Público e
sua família no referido caso.

Outrossim, também reconheço meu erro de sequer oportunizar ao Defensor Público Murilo Guazzelli a possibilidade prévia de ser ouvido, replicando, sem cuidado algum e de forma leviana, falsas acusações proferidas por determinado parlamentar estadual, que macularam a honra (objetiva e subjetiva) do próprio Murilo Guazzelli e da sua família.

Reconheço, por fim, que inobservei o dever de levar a notícia com respeito, decoro e fidelidade, lamentando pelo equívoco cometido nas falsas acusações por mim replicadas. Assim sendo, pelas injustas ofensas equivocadamente proferidas, peço sinceras desculpas ao mencionado Defensor Público, bem como a todos os seus familiares, em especial a sua esposa e seu filho, e a todos aqueles que tiveram seus julgamentos e opiniões em relação ao caráter,
honestidade e boa conduta do Sr. Murilo Guazzelli, deturpados pela minha publicação, reforçando o compromisso de levar informações e notícias com a fidedignidade imposta ao bom jornalismo.

Política

Rubens Pereira Júnior deixa Secap e retorna à Câmara dos Deputados

Acabou o período de Rubens Pereira Júnior no executivo. Com passagens na Secid (Secretaria Estadual de Cidades e Desenvolvimento Urbano) e mais recentemente na Secap (Secretaria de Articulação Política), o governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB), anunciou que Rubens Jr foi exonerado da Secap.

Agora, Rubens retorna à Câmara dos Deputados com vistas a estruturar sua campanha à reeleição.

“Agradeço ao deputado federal Rubens Pereira Júnior pelo período em que exerceu a Secretaria de Articulação Política do Governo do Maranhão. Desejo que ele tenha sucesso no retorno ao mandato na Câmara, onde continuará a ajudar o nosso governo”, disse Dino.

No Twitter, Rubens disse que era hora de reassumir o mandato. “Agora é hora de focar na batalha no Congresso”, disse Rubens.

Dino não divulgou o nome que pode substituir Rubens nem se a Articulação Política pode ser incorporada na Comunicação, como era anteriormente.

Política

Ato reúne 103 prefeitos em apoio ao governo de Carlos Brandão

Engana-se quem pensa que o evento político ocorrido nesta sexta-feira (30), em Presidente Dutra, seja um ato pré-eleitoral em favor da pré-candidatura do vice-governador Carlos Brandão (PSDB).

O encontro político é um aceno ao governo (próximo) de Carlos Brandão. Com característica de um governo municipalista, 103 prefeitos já declararam apoio à sucessão do governador Flávio Dino (PSB). Todas as falas caminham para a continuidade das ações de Dino à frente do Maranhão nos últimos 7 anos, além de ampliar esse diálogo com os prefeitos.

O ex-governador José Reinaldo Tavares disse recentemente ao programa Xeque Mate, da Mais FM, que essa onda de apoios só tende a aumentar ao passo que a efetivação de Brandão no comando do Palácio dos Leões se aproximar.

Sem a preocupação de garantir uma candidatura ao governo, Carlos Brandão pavimenta o caminho para um governo que dialogue com as bases, os municípios e a classe política. Em discurso, Brandão traçou sua trajetória política que é marcada pelo diálogo com esses agentes que vai de “lideranças locais, vereadores até senadores” e que o tratamento dispensado é o mesmo.

Em Presidente Dutra, Brandão reuniu 103 prefeitos, 55 vice-prefeitos, 87 presidentes de Câmara Municipais, 49 ex-prefeitos, 326 vereadores, 12 deputados e 16 secretários e adjuntos.

Cidade

São Luís oferece serviços de saúde a moradores em situação de rua e profissionais do sexo, no Anel Viário

Visando ampliar o acesso da população em situação de rua à rede de atenção primária à saúde, a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), realizou, nesta quinta-feira (29), mais uma ação da estratégia Consultório na Rua. Desta vez, as atividades aconteceram nas imediações do Anel Viário, no Centro da capital – região onde atuam mulheres profissionais do sexo que também puderam ser atendidas. Na ocasião, foram ofertados serviços de testagem para Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s) e vacinação contra a Influenza/H1N1, dentre outros serviços.

A ação Consultório na Rua aconteceu durante a noite, em tenda no calçadão da Avenida Vitorino Freire, onde estão instalados, temporariamente, os comerciantes da Fonte do Bispo. O local, há alguns metros do Mercado Central, é um dos mais visados pelos moradores em situação de rua, muitas vezes usuários de drogas e profissionais do sexo, por ser, também, um dos mais populares da cidade – tomado por bares, restaurantes improvisados e outros atrativos. 

De acordo com o superintendente-adjunto de ações em saúde da Semus, Willian Vieira, estratégias como o Consultório na Rua são essenciais para fortalecer cada vez mais a atenção primária à saúde daquelas pessoas vulneráveis, que estejam em situação de rua devido aos vínculos familiares interrompidos ou fragilizados. A estratégia, ainda de acordo com ele, se consagra por prestar atendimento não só ao grupo populacional alvo da iniciativa, mas, também, a quem demonstra interesse por usufruir dos serviços oferecidos. 

“Consultório na Rua é uma ação que acontece pela cidade praticamente todos os dias. A Prefeitura oferece uma equipe multiprofissional para prestar assistência a cada um dos interessados, sejam eles moradores em situação de rua e vulnerabilidade ou não. Na ação de hoje, por exemplo, estamos atendendo mulheres profissionais do sexo que atuam nessa região do Centro, que formam um grupo importante no panorama de doenças sexualmente transmissíveis. Portanto, a iniciativa chega para elas com o papel de reduzir danos, no sentido de oferecer testes para detectar infecções ou evitar a transmissão de doenças, bem como educar e conscientizar sobre outras questões”, explicou Willian Vieira. 

Segundo a coordenadora da Atenção Primária à Saúde da Semus, Andrea Costa Abreu, o atendimento primário é de suma importância para viabilizar o acesso, quando necessário, a um tratamento gratuito e de qualidade, por exemplo. No caso do Consultório na Rua, que é uma das estratégias desta política, é o meio mais prático que existe, atualmente, para levar qualidade de vida a quem, por qualquer que seja o motivo, não procure uma unidade de assistência médica. 

“O papel da atenção primária é primordial na esfera da saúde e o Consultório na Rua veio para fazer o fortalecimento dessa política. Com essa ação a gente acaba atendendo não só a população em vulnerabilidade ou em situação de rua, mas, também, alguém que não consiga ir a um posto no horário comercial porque trabalha ou qualquer outro motivo. Nosso grande lema é alcançar e levar saúde aos pontos mais críticos da cidade”, destaca a coordenadora. 

A coordenadora do Consultório na Rua em São Luís lembra que profissionais do sexo, por mais que atuem nas ruas, não são o principal público-alvo. Entretanto, é por meio da ação que esse grupo populacional costuma adquirir o atendimento básico em saúde ou manter uma rotina médica, em caso de algum tratamento necessário. 

“O nosso alvo são as pessoas em situação de rua, muitas vezes esquecidas pela sociedade. Por causa do preconceito, é comum moradores em situação de rua não procurarem assistência ou costumarem desistir do atendimento em saúde. Por isso, trazemos para a rua os serviços mais básicos da atenção primária, como testagem para doenças sexualmente transmissíveis, vacinação, orientação sobre sexo seguro, preservativo masculino e feminino dentre outros, pois sabemos que é uma população bastante vulnerável e que precisa de atenção”, ressalta Nielma Carramilho.

Aprovação 

A iniciativa foi aprovada pelo público atendido na ação da Prefeitura de São Luís. “Achei ótima essa iniciativa, a gente estava lá perto do Mercado Central e foi avisada de que teria uma ação para testagem, vacina, e outros serviços. Como eu ainda não tinha tido nenhum atendimento esse ano, eu resolvi vir. Testando e sabendo que está tudo certo, além de receber outras orientações e preservativos que são bastante importante para que a gente siga trabalhando sem correr ou oferecer risco, traz um certo alívio”, destacou Ana de Sousa, que é profissional de sexo e resolveu utilizar um nome fictício para preservar a verdadeira identidade. 

Como a Ana, a também profissional do sexo Natasha Oliveira (nome fictício), elogiou a ação e disse ter ficado mais tranquila em saber que está bem de saúde. “Muito boa essa ação, fico feliz que exista pessoas para ajudar, sem preconceito ou julgamento. Quem mora na rua ou trabalha durante a noite como profissional do sexo sabe a importância que essa atenção voltada para a gente tem. Somos pessoas e merecemos os mesmos direitos que os outros”.

Saiba mais 

Além dos testes rápidos para detecção de Sífilis, HIV, hepatites virais, aferição de pressão, distribuição de preservativos e educação sobre sexo seguro, também foi oferecida, durante a ação, teste de antígeno para detecção de Covid-19 e vacina contra a Influenza/H1N1 e, ainda, kit higiênico contendo produtos como escova, creme dental e sabonete.