Mulher de Queiroz está foragida

Em uma troca de mensagens com Fabrício Queiroz, Márcia Oliveira de Aguiar, esposa do ex-assessor de Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), disse que só sairia do Rio se estivesse com a prisão decretada, aponta o MP-RJ (Ministério Público do Rio).

Ela é considerada foragida pela Justiça desde quinta-feira (18), quando Queiroz foi preso preventivamente em Atibaia (SP) em um imóvel que pertence a Frederick Wassef, advogado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). O casal é acusado de participar de um suposto esquema de rachadinha na Alerj (Assembleia Legislativa do Rio), quando servidores devolvem parte dos seus salários.

Da Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *