Negócios

Faculdade oferece atendimento gratuito sobre a declaração do Imposto de Renda

Contribuintes têm até o dia 31 de maio para acertar as contas com o Leão

Para quem não declarou o Imposto de Renda ou está com alguma pendência, o prazo final vai até o dia 31 de maio. O contribuinte que precisa de orientação, a Faculdade Pitágoras, por meio do curso de Ciências Contábeis, está com atendimento gratuito à comunidade para a declaração, de terça a quinta-feira, no período da manhã e tarde, no Núcleo de Práticas Contábeis da instituição­­­­­­.  

A contadora e coordenadora do curso de Ciências Contábeis, Lucimara Sampaio, dá algumas orientações na hora de fazer a declaração. “É preciso estar atento à documentação necessária como informe de rendimentos, documentos pessoais, comprovante de endereço, documentos dos dependentes, comprovantes de despesas médicas, educacionais e planos de saúde”, detalha.  

Outra observação é se o contribuinte recebeu auxílio emergencial no ano de 2020 ou seu dependente, “pois os que receberam e auferiram renda superior a R$ 22.847,76 deverão declarar imposto de renda e devolver o auxílio emergencial”, pontua a especialista. 

Para fazer o atendimento gratuito da declaração do Imposto de Renda, o contribuinte deverá fazer o agendamento antes, por meio do telefone (98) 2108-6026.  

­­­­­­­­Dicas para evitar a malha fina 

Os erros mais comuns identificados na revisão do órgão federal são a ausência da declaração de recebimento de aluguel de imóveis, despesas com obras sem nota fiscal, aplicações financeiras como previdência privada e a dedução de gastos com educação. 

O primeiro ponto importante é saber que o contribuinte que acabar na malha fina deve prestar esclarecimentos sobre os erros encontrados. Os brasileiros que caem na malha fina podem ficar com o CPF bloqueado, além da inaptidão de receber a restituição do imposto.  

Para que não aconteça, a dica é realizar o preenchimento em etapas e acompanhar o status da declaração no site da Receita Federal. Para evitar cair na malha fina, o contribuinte deve reunir os documentos necessários com antecedência.