Foi sintomático. No primeiro dia de operação da Assaí Atacadista, da Rede Assaí, o presidente do Grupo Mateus, Ilson Mateus, divulgou um vídeo onde comenta a sua política de preços.

A motivação do vídeo, segundo Ilson Mateus, foram as reclamações recorrentes nas redes sociais sobre os preços praticados pela rede de supermercados durante a pandemia do novo coronavírus. O empresário disse que os preços não são definidos somente pelo supermercado, mas sim pelo mercado. “O mercado é senhor de si”, afirmou o empresário.

Explicou ainda, que muitos de seus produtos estão atrelados ao dólar e com a instabilidade do mercado por conta do coronavírus, os preços também sofrem alterações. “Nós trabalhamos com diversas matérias primas que são atreladas diretamente ao dólar. É impossível que não haja aumento, as industrias vem ao longo do tempo tentando passar aumentos. O que a gente consegue segurar, a gente segura”, disse Mateus.

Participe do Grupo do WhatsApp! do site A Carta Política, clique aqui!

Leia também

Conforme esperado, inauguração da Rede Assaí gera aglomeração no lockdown

Concorrente do Mateus, Rede Assaí, inaugura supermercado no meio do ‘lockdown’

Em nota, Rede Assaí diz que tomou medidas de segurança durante abertura da primeira loja

Fato ou Fake: Ilson Mateus está internado com COVID-19?

A declaração acontece justamente no mesmo dia que uma forte concorrente chega à São Luís. A Rede Assaí está gerando 300 empregos diretos e promete jogar duro nos preços baixos. Ao responder perguntas na sua rede social pessoal, Ilson Mateus diz que a concorrência é boa para o mercado.

Foi a ausência de concorrência no Maranhão que causou euforia entre os consumidores com a chegada da Rede Assaí. O Grupo Mateus tem jogado de maneira agressiva nos últimos anos e foi eliminando, um a um, de seus concorrentes. O último a sair do mercado foi o Supermercado Maciel.

À época, o Grupo Mateus foi acusado de favorecimento do governo com política de incentivo fiscal. O incentivo fiscal praticado pelo Grupo Mateus, porém, é também utilizado por mais outras 100 empresas.

Com a chegada do Assaí Atacadista e recentemente Mineirão Atacado e Varejo (no antigo Makro), espera-se que os preços sofram alterações em benefício do consumidor.

No Maranhão, a briga (muitas vezes adiada) entre o Grupo Mateus e a Rede Assaí… Começou.

Participe do Grupo do WhatsApp! do site A Carta Política, clique aqui!


Confira o vídeo