Eduardo Braide foge de debate na primeira discussão da cidade

A depender do comportamento do pré-candidato a prefeito de São Luís, Eduardo Braide (POD), o deputado federal deve fugir dos debates da mídia eletrônica, no caso rádios e televisões. Recentemente, Eduardo disse em uma entrevista que a melhor forma do povo saber do preparo de um candidato é no debate direto. Nos debates, disse ele, não tem marketeiro e nem maquiagem dos programas eleitorais.

Parece, porém, que Eduardo Braide quer se distanciar do embate direto entre os pré-candidatos. Sabemos que os debates políticos dos tempos atuais são na Internet.  Pelo menos o último final de semana foi prova disso. Ao se lançar bravatas no Twitter sobre o aumento de tarifa dos passageiros urbanos de São Luís, Eduardo Braide não respondeu a nenhum pré-candidato.

Ao sugerir a diminuição do ICMS dos combustíveis dos ônibus como solução para o preço das tarifas, Eduardo Braide pegou um puxão de orelha do também pré-candidato Dr. Yglésio (PROS).

“Eduardo, na verdade já fizera essa redução há tempos. A alíquota, que era de 18% hoje é de apenas 2% para as empresas de transporte urbano em São Luís. Na dúvida, encaminhe pedido de informações à Sefaz. Melhor você pensar em outra solução. Essa é Control C + Control V. Abraços”, debateu no Twitter.

Ao prometer que a partir do próximo ano, São Luís não contará mais com aumento de passagens de ônibus, o pré-candidato que lidera até o momento foi desarmado mais uma vez. Braide culpou a Prefeitura de São Luís por propor e promover o aumento. “A Prefeitura ou o contrato celebrado durante a licitação do sistema de transporte urbano de ônibus, que infelizmente contempla o chamado ‘reequilíbrio econômico financeiro’ anual? Qual a sua proposta: congelamento de preços num cenário de inflação ou subsídios pro SET? Diga p gente”, disse o deputado Dr. Yglésio.

Depois da encurralada, Eduardo Braide (POD) não rebateu nenhuma resposta. Se Eduardo Braide é daqueles políticos que pensam que os debates pode desitratar uma candidatura, ele não deve participar dos debates de maior audiência na rádio e TV. Eduardo Braide, diga-se de passagem, surgiu como uma via em São Luís por participar de debates e encontrar candidatos mais fracos que ele e mesmo assim perdeu para o tímido Edivaldo Holanda Jr (PDT) no segundo turno.

Te cuida Braide, o cenário posto nessa eleição é totalmente diferente da última.

Pedro de Almeida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *