Política

Vereadora de São Luís assume comando do PSD Mulher no Maranhão

A vereadora de São Luís, Karla Sarney (PSD), é a mais nova presidente estadual do PSD Mulher, um braço do PSD que vislumbra estimular a participação da mulher na política, não só em eleições, mas também na participação política da mulher em todos os níveis. O partido, que teve participação na eleição do prefeito Eduardo Braide (Podemos) com a composição da vice com Esmênia Miranda (PSD). A ordem agora é arrumar o partido para as próximas eleições.

Durante a posse, na sede do partido, em São Luís, o presidente do PSD, Edilázio Júnior, disse que Karla vai expandir o trabalho que realiza na Câmara Municipal para todo o Maranhão. “Um importante quadro que só vai potencializar essa luta tão importante no âmbito político e social”, definiu o deputado federal Edilázio.

Participe do grupo fechado no WhatsApp

Indagada pelo site A Carta Política se o controle do PSD Mulher significa uma candidatura para a Assembleia Legislativa do Maranhão, a vereadora Karla Sarney respondeu que ainda é cedo para definir isso, apesar de não descartar esta possibilidade. “Meu trabalho é organizar o partido. Vamos filiar para desenvolver um trabalho no PSD Mulher com palestras, cursos, e lógico, visando também 2022, porque agora é o momento ímpar para a nossa nova maneira de disputa do partido”, respondeu Karla que completou que vai investir em formação política.

O ato de filiação foi prestigiado por vereadores de São Luís, secretários municipais, da vice-prefeita Esmênia e representantes da sociedade civil organizada.