Coronavírus

Governo descarta lockdown, mas proíbe eventos e suspende atividades presenciais no serviço público


Em reunião entre o Governo do Maranhão, prefeituras da Ilha de São Luís, de Imperatriz e Tribunal de Justiça, Ministério Público e Tribunal de Contas do Estado ficou decidido que, neste momento, não será decretado lockdown no Maranhão.

Leia: Para preservar economia, Flávio Dino evita lockdown no Maranhão

O governador Flávio Dino (PCdoB), decidiu que está proibido eventos de qualquer natureza. O serviço público, por dez dias, terá suspensão das atividades presenciais, a partir do dia 8 de março.

As medidas restritivas no comércio em geral será discutida com representantes nesta terça-feira (2).

Se inscreva no Canal do YouTube

Participe da nossa Comunidade no Telegram

Participe do grupo fechado no WhatsApp