O cinismo de Duarte Jr sobre descontos escolares durante pandemia

O governador Flávio Dino sancionou a lei que determina o desconto de 10 a 30% de desconto nas mensalidades de escolas e faculdades. O deputado Duarte Jr foi contra o texto da lei aprovada. Agora, no entanto, busca protagonismo na pauta.

A tese levantada por Duarte Jr e sustentada pela bancada do seu partido, o Republicanos, foi que o desconto fosse individualizado por cada instituição. E não um desconto de 10 a 30% de acordo com o porte da escola.

Agora, [não] estranhamente, Duarte promove live para explicar uma lei que lutou com todo seu vigor para não ser aprovada do jeito que foi.

Participe do Grupo do WhatsApp! do site A Carta Política, clique aqui!

Duarte chegou a chamar seus colegas de parlamento de “vendedores de ilusões” ao tratar sobre o Projeto de Lei 88/2020.

Recentemente ao comentar a decisão da Justiça do Ceará em que determinou, também, a redução de 30% nas mensalidades de escolas, o deputado disse que “No Maranhão, já ingressamos com uma Ação Civil Pública no mesmo sentido”, acontece que a ACP ingressada pelo Ibedec não é no mesmo sentido da decisão da justiça cearense. Primeiro que é contra Instituições de Ensino Superior e segundo, a ACP que trata de mensalidades escolares tem autoria do Ministério Público e Defensoria Pública do Estado.

E a ACP nº 0811710-30.2020.8.10.0001 é no mesmo sentido da proposta apresentada por Duarte na Assembleia. Falhou para beneficiar donos de escolas, Duarte tenta na justiça alivar no bolso dos bilionários do ensino superior. O Ibedec não pede redução de 30% e sim que as instituições apresentem suas planilhas para basear o desconto de instituição por instituição.

Se na Assembleia Legislativa tiver algum vendedor de ilusão….

Participe do Grupo do WhatsApp! do site A Carta Política, clique aqui!

Pedro de Almeida

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *