“No que depender do presidente Jair Bolsonaro, democracia e liberdade acima de tudo”, foi o que afirmou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para jornalistas na manhã desta segunda ao deixar o Palácio da Alvorada.

A frase veio logo depois dele receber duras críticas por ter participado de manifestações neste domingo (19) que, entre outras coisas, pediam a volta da ditadura e a edição de um novo AI-5 no Brasil.

No entendimento de Bolsonaro, ele não precisa de um golpe para ficar no poder, pois já está na cadeira mais importante do Brasil.

“O pessoal geralmente conspira para chegar ao poder. Eu já estou no poder. Eu já sou o presidente da República”, disse Bolsonaro.

Mas logo em seguida deferiu uma frase que reverbera o autoritarismo que lhe é peculiar.

“Eu sou, realmente, a Constituição”, disse.