Dois entusiastas da candidatura do deputado federal Eduardo Braide (Podemos) não fazem mais parte das primeiras fileiras da pré-candidatura do Podemos.

Roberto Rocha (PSDB) e Josimar de Maranhãozinho (PL) desencantados com a possibilidade de indicar o vice do deputado pré-candidato, apostaram em nomes do próprio partido para entrar nas eleições municipais.

O PSDB, sempre teve pré-candidato, o deputado estadual Wellington do Curso (PSDB). Já, o PL, lançou a também deputada estadual Detinha (PL) para disputar as eleições. O nome surpreende, sendo que desde o início, o partido não tinha intenção de encabeçar uma chapa, porém, voltou da decisão após o presidente do partido, Josimar de Maranhãozinho, conversar com o governador Flávio Dino (PCdoB).

O senador Roberto Rocha, presidente do PSDB no Maranhão, acredita ser fundamental para uma vitória de Eduardo Braide em um segundo turno. Wellington do Curso, porém, acredita na vitória das próximas eleições. Em entrevistas já disse que não vai cometer os mesmos erros do passado.