A ‘lei do personal’ foi tratada agora no âmbito federal, onde deve haver a discussão correta. O deputado federal Gil Cutrim (PDT), autor do PL 2488/19 que trata sobre a atividade dos personais trainners dentro das academias e permite que os profissionais possam exercer sua atividade comercial sem cobrança de taxas por parte das academias.

Estiveram com Cutrim representantes dos personais trainners e o vereador de São Luís, Paulo Victor (PROS). O vereador é autor de uma lei similar no âmbito municipal que foi derrubada na justiça.

“Reuni com personal trainners e o vereador de SL, Paulo Victor para dialogarmos sobre a “Lei do Personal” que está suspensa judicialmente no estado, e discutir sobre o PL 2488/19, de minha autoria, que tramita na Câmara. Ratifiquei, no encontro, o meu total apoio, conte comigo.”, disse Gil Cutrim em sua conta do Twitter.

Lei estadual suspensa

Uma lei estadual do mesmo tema está suspensa judicialmente. O autor da lei estadual é o deputado estadual Felipe dos Pneus (PRTB), que não esteve no encontro. A lei do deputado Felipe foi, inclusive, vetada pelo governador Flávio Dino (PCdoB), mas o parlamentar conseguiu vitória no parlamento estadual com pressão dos profissionais de educação física.